Edmilsonpsol
Portal do deputado federal Edmilson Rodrigues | psol

Agressores de Edmilson serão investigados pela Polícia Federal

O deputado federal Edmilson Rodrigues (PSOL/PA) deu entrada junto à Delegacia de Polícia Federal no Pará em uma representação criminal a fim de que seja apurado, por meio de inquérito policial, as responsabilidades criminais das duas pessoas responsáveis pelas agressões sofridas por ele na noite de segunda-feira (01), em um supermercado de Belém.

O fato ocorreu quando o parlamentar estava com a sua companheira fazendo compras no supermercado e foi abordado por duas pessoas de forma agressiva que passaram a gritar xingamentos e ameaças como: “os vermelhos têm que morrer” e “vagabundo”, entre outros impropérios. Mas Edmilson manteve a calma e não se trocou com os agressores em respeito às pessoas presentes. O vídeo da agressão teve ampla repercussão nas redes sociais.

As imagens das câmeras de vigilância interna e externa do estabelecimento foram solicitadas e devem confirmar as identidades dos criminosos.

Felizmente , Edmilson contou com a solidariedade de pessoas presentes que repudiaram a atitude, tentaram conter os agressores e ao mesmo tempo protegê-lo. O próprio parlamentar acionou a Polícia do Pará, quando os autores do crime fugiram do local.

As imagens das câmeras de vigilância interna e externa do estabelecimento foram solicitadas e devem confirmar as identidades dos criminosos.

O parlamentar pede o indiciamento dos responsáveis por injúria e ameaça, com base nos artigos 140 e 147 do Código Penal, cuja pena prevista varia de multa a 1 ano a 6 meses de detenção.

Nesta terça-feira (02), o deputado usou suas redes sociais para agradecer a solidariedade recebida de todo o país e destacou que “jamais aceitará agressões e vilipêndios à (própria) dignidade porque será a luta pela paz e pela justiça que estará sendo agredida”, afirmou.

Leia também