Edmilsonpsol
Portal do deputado federal Edmilson Rodrigues | psol

Com corte de recursos, projetos são cancelados sem aviso

A decisão irresponsável e criminosa de cortar os recursos da educação, ciência e tecnologia está paralisando projetos importantes para o país. Mais de 40% do orçamento do Ministério da Ciência foi contingenciado, e quase 5.000 bolsas de mestrado e doutorado da Capes, que seriam designadas a novos projetos, foram canceladas sem aviso nesta semana.

Além das bolsas, o corte de 30% sobre os chamados gastos discricionários das universidades federais (ou seja, “não obrigatórios”) tem potencial de afetar o cotidiano da pesquisa e do ensino. Isso porque muitas pesquisas podem acabar paralisadas por falta de insumo.

Pesquisas sobre o impacto o impacto dos desastres de Mariana e Brumadinho na fauna do rio Doce, do uso de álcool na gestação, e os fatores genéticos que explicam o sucesso da fertilização in vitro foram paralisadas.

Institutos de pesquisa nacionais, vinculados ao ministério de Ciência e Tecnologia, também sofrem com os cortes, como Museu Paraense Emilio Goeldi.

“Depois que as bolsas já haviam sido implementadas, o ministério resolveu fazer uma conferência da documentação e retirou as bolsas do sistema. Ele [o ministério] nos informou que os pagamentos serão retroativos, mas temos pesquisas já iniciadas sem pagamento, pessoas que estão sem como pagar o aluguel. Esse procedimento deveria ter sido feito antes”, diz Alexandre Bonaldo, coordenador da pós-graduação do Museu.

O impacto dos cortes de recursos é imensurável! Pesquisas que vem sendo feitas há anos correm o risco de serem perdidas, colocando em risco o futuro do país.

Com informações da Folha de S. Paulo.

Leia também