Edmilsonpsol
Portal do deputado federal Edmilson Rodrigues | psol

Despreparo de Ministro do Meio Ambiente é exposto em audiência pedida por Edmilson

Como proposta do mandato do deputado federal, Edmilson Rodrigues (PSOL-PA), o Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles compareceu na manhã desta quarta-feira (7), à Audiência Púbica na Câmara dos Deputados para explicações sobre o Fundo Amazônia. Além de não mostrar dados concretos sobre as acusações de “irregularidades” nas contas do fundo, Salles também tentou minimizar sua importância, afirmando ser “inexpressivo”, para as “necessidades de uma região tão grande”.  

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O deputado Edmilson Rodrigues, fez questão de destacar as contradições da exposição do Ministro Salles. “Ao que se refere sobre irregularidades, houve ao meu ver recuos na fala do ministro, na primeira audiência foi falado nome de uma ONG importante, me parece que as irregularidades denunciadas não foram comprovadas, e é necessário que se tinha comprovação se existiam ou que seja feita autocrítica pelo governo, porque a visão que se passou era que esses recursos eram repassados como um todo para ONGs que cumpriam aqui interesses escusos ou interesses alheios aos interesses nacionais”, explicou.

Salles também foi questionado sobre as propostas, caso haja a suspensão dos repasses significativos para o fundo, que é gerido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Social e Econômico (BNDES), desde 2008 quando foi criado e recebe financiamento estrangeiro de cerca de R$ 3,4 bilhões. 

“Ao manter certas opiniões e determinadas propostas que interferem no contrato feito com esses países europeus e outros doadores com vista à gestão do Fundo, o risco de perdas serão enormes. Qual será a contrapartida financeira se houver uma suspensão dos repasses que são significativos e importantes para viabilizar a prevenção, o monitoramento e o combate do desmatamento na Amazônia? É bom que se diga, que 20% pode ser usado para monitorar o desmatamento na mata Atlântica, no Cerrado, até mesmo em área não nacionais, como na Amazônia Internacional. O governo tem preocupação com a perda desses recursos, que são mais de 3 bilhões de reais? ”, indagou o deputado paraense.

Evidentemente acuado, o Ministro Ricardo Salles também foi contestado por Edmilson Rodrigues, entre outros deputados, sobre os números alarmantes de desmatamento na Amazônia. “Sabemos que há um desmatamento hoje de mais de 250%, possivelmente. E não adianta o presidente Bolsonaro dizer que os dados do INEP são mentirosos e que está a serviço de ONGs, pois o desmatamento é real. Não há um plano para isso?”.

Leia também